Dirigente apresenta atividades desenvolvidas na região

Postado em: 15 de Novembro de 2017

O Governador do Distrito 4510 do Rotary International, o meteorologista, Maurício de Agostinho Antônio, associado do Rotary Club de Bauru-Terra Branca, participou neste último final de semana, na cidade de Campos do Jordão, da 20ª Reunião dos Governadores do Estado de São Paulo, quando teve a oportunidade de apresentar uma síntese do que foi realizado na atual gestão, iniciada no mês de julho deste ano. “Apesar do pouco tempo, procurei mostrar os pontos fortes e fracos do Rotary na região centro oeste do interior paulista”, disse o dirigente rotário que tem se dividido entre as visitas oficiais aos clubes, aos eventos rotários e ao planejamento de ações entre os clubes da região. “O primeiro semestre de uma gestão é sempre mais intenso”, imagina o dirigente paulista.

Todos os 11 governadores do Rotary do Estado de São Paulo tiveram a oportunidade de falar sobre o trabalho que estão desenvolvendo. “O tripé: Fundação Rotária, Imagem Pública e Desenvolvimento do Rotary estão com ações específicas em nossa região”, anunciou ao citar exemplos de trabalhos contundentes nestas três direções. “Iniciamos um trabalho de captação de recursos para a Fundação Rotária com a participação dos clubes, dos rotarianos e dos simpatizantes”, comentou ao explicar detalhes da ação que, somente ela, deve contabilizar mais de US$30 mil. “Na Imagem Pública muitas ações criativas estão sendo realizadas chamando a atenção da sociedade”, falou ao citar como exemplo a doação de um Fusca na cidade de Presidente Venceslau que está sendo cotizado até o final do mês com recursos diretos para a Fundação Rotária. “Criamos uma Força Tarefa para fortalecer os clubes com menos de 20 associados”, anunciou ao explicar o trabalho que foi realizado entre os clubes que já contabiliza 47 novos associados de saldo positivo, no total, em menos de dois meses.

As preocupações conceituais sobre a organização também foram destaques do Governador do D4510 do RI, quando mencionou os diversos encontros interclubes que acontecem na região, quando clubes se reúnem conjuntamente para a exposição de temas pontuais. “Isto tem se tornado frequente em nossa região, ajudando muito na orientação sobre o Rotary entre os mais antigos, mais novos e os mais recentes”, comentou Maurício de Agostinho Antônio, que também lembrou do Programa Internacional do Intercâmbio de Jovens que é intenso entre os rotarianos do centro oeste paulista. “Apesar de não termos atrativos como: museus, montanhas, praias e outros aspectos, realizamos mais de 100 intercâmbios por ano”, disse ao mostrar a preocupação com os jovens e com os 25 encontros do Programa Ryla que estão programados, além dos programas com Rotaract e Interact, relacionados diretamente aos jovens, que estão crescendo.

De acordo com Maurício de Agostinho Antonio, o encontro em Campos do Jordão foi interessante em todos os sentidos, pois, foi possível verificar o trabalho desenvolvido em outras regiões do estado. “Percebi que as ações estão intensas em todas as regiões e que o Rotary e os programas estão se fortalecendo de acordo com a necessidade e possibilidade de cada um”, avaliou o dirigente que considerou válido o encontro entre dirigentes. “Aprendemos muitos com as exposições e debates e expusemos aquilo que vem acontecendo em nossa região”, finalizou o dirigente rotário regional, lembrando que no ano que vem a Regoesp será realizada na cidade de Presidente Prudente, no D4510 do RI.

Localizar site dos clubes